top of page
  • amigosdabolaecia

SÓ PIADAS...

Atualizado: 30 de abr.

 

DIVIRTA-SE


No colégio, diz a professora:

- Meninos, amanhã quero que me tragam exemplos de construções que estejam sendo efetuadas próximo de suas casas e quais as vantagens destas novas construções para nós.

- Sim professora.

No final da aula, a professora pede a todas as meninas que fiquem na sala porque quer dizer

algo:

-  Olhem meninas! Recebi muitas queixas dos seus pais de que o Joãozinho está muito malcriado. E é provável que amanhã ele diga alguma das suas grosserias. Por isso, vou pedir que, para evitarmos problemas, quando ele disser algo que nos pareça grosseiro, todas vocês se levantem imediatamente e saiam da aula.

Todas concordaram com o plano. No dia seguinte, a pergunta a professora:

- Fizeram a redação que eu pedi? Primeiro você, Anita:

- Perto da minha casa estão construindo um supermercado. Assim, a minha mãe não necessitará andar tanto para ir às compras.

- Muito bem, Anita! Raulzito, diz você:

- Perto da minha casa estão construindo uma fábrica de móveis. Assim, como o meu pai é

carpinteiro, ele vai poder trabalhar mais perto de casa.

- Excelente, obrigado Raulzito.

Nisso o Joãozinho levanta a mão. Diz a professora:

- Ai, meu Deus! Fala Joãozinho. O que estão construindo perto de tua casa?

- Perto da minha casa estão construindo um bordel, professora!

Imediatamente todas as colegas do Joãozinho se levantam e ele diz:

- Calma, meninas, ainda não abriu...


 


Um casal estava assistindo a um filme pornô no cinema. Toda vez que apareciam as cenas mais picantes a mulher beijava as partes íntimas do homem. Mas certa hora quando ela foi beijar, as luzes do cinema se acenderam. Nisso tinha uma velhinha sentada ao lado do casal. A mulher disfarçou, dizendo:- Não sei, não sei não, amor, acho que caiu por aqui, não sei...

Nisso o homem apressado colocou um chapéu no colo.

Foi quando a velhinha disse:

- Olha, eu não tenho nada a ver com isso, mas se você não engoliu, está embaixo do chapéu.


 

Um brasileiro queria ir pra Sevilha e foi pedir dica pra um amigo dele que já tinha ido.

-  Ah, Sevilha é maravilhoso! O mais legal é que fomos numa tourada, rapaz, uma loucura, os touros enormes, os toureiros super habilidosos. E além disso tem um restaurantezinho pequeninho logo do lado que serve a melhor comida que já comi: cojones del toro! Uma iguaria! Enorme! Dois negócios assim desse tamanho, você precisa experimentar!

E aí o brasileiro vai pra Sevilha, mas não está muito afim de ir na tourada, então vai direto no restaurantezinho. O lugar bem tradicional, charmosinho, ele senta, o garçom vem e pergunta o que ele quer e ele responde todo animado

- Yo quiero cojones!!!

Passa um tempo e aí chega o prato dele. Duas bolinhas pequenininhas assim no molho, menor que dois ovinhos. Ele fica irritado e fala para o garçom:

- Pero mi amigo me disse que eran dos cojones enormes, una iguaria! Que es esto pequenino?

O garçom constrangido, responde:

- És que en la torada, a veces, el toro gana!


 

Era uma vez uma aldeia muito distante da civilização. Certo dia, um de seus habitantes teve de ir até à cidade que ficava muito longe. Antes de partir, ele perguntou à mulher o que ela queria de presente.

— Traga o que você achar de mais bonito — disse ela.

O homem partiu. Chegou à cidade e, depois de resolver os assuntos que tinha a resolver, ele foi comprar o presente da esposa. Ele foi ao shopping center, procurou ver as novidades e o que ele viu de mais bonito foi um espelho. Ele comprou o espelho, mandou embrulhar para presente e voltou para casa. Vários dias depois, ao chegar em casa, ele deu o presente à mulher. A mulher, que não conhecia espelho, tomou um grande susto ao ver a sua imagem refletida nele. Tomou um susto e foi conversar com a mãe dela.

— A senhora viu a mulher que meu marido trouxe lá da cidade? Ela é muito bonita. Já estou achando que ele vai me deixar pra ficar com ela.

— Cadê essa mulher? — perguntou a mãe. — Mostra aqui.

Ela olhou o espelho, olhou, pensou e depois devolveu o espelho à filha dizendo:

— Te deixar por uma coisa feia dessas? Velha, enrugada, descabelada, desdentada? Só se ele for muito burro, minha filha.


 

Um dia três mulheres foram convidadas para ir ao espelho mágico. Uma era morena, outra ruiva e a outra loira! A regra era quem falasse mentira na frente do espelho, desapareceria.

Chegou a morena e falou:

- Eu sou a mais linda e sexy de todas!

Poof!!! Desapareceu! Chegou a ruiva e falou:

- Eu sou a mais gostosa de todas, todos os homens me querem!!!

Poof!!!! Desapareceu! Aí chegou a loira e falou:

- Eu andei pensando...

Poof!!! Desapareceu!


 

Um rapaz nasceu sem os dois braços e, para qualquer atividade, ele tinha que pedir a ajuda de alguém. Para ir ao banheiro, para comer, para tomar banho e assim por diante. Certo dia, desmotivado com sua condição, ele ficou com muita raiva de tudo isso e decidiu pular de um prédio. Na hora em que ia se jogar, ele viu lá embaixo outro cara também sem os dois braços.

Diferente dele, o cara estava dançando! Então ele se perguntou:

- Eu aqui com o mesmo problema dele querendo me matar, e ele lá dançando? Vou até lá perguntar para ele o segredo de sua felicidade!

Desceu e perguntou:

- Amigo, você não os dois braços e está aí dançando, já eu aqui com o mesmo problema, estava querendo me matar! Por favor, me diga qual é o segredo de sua felicidade?

E então ele respondeu:

- Dançando o caramba! Eu tô aqui com a maior coceira na bunda!!!


 

Raíssa, uma bela loira, desconfia que seu namorado anda pulando a cerca. Muito ciumenta que é, Raíssa compra uma arma e se prepara para dar o flagrante delito. Sem avisar, ela vai ao apartamento do namorado e confirma suas suspeitas: lá está ele nos braços de outra!

Furiosa, Raíssa abre sua bolsa, saca a arma e a aponta para a própria cabeça.

O namorado grita em desespero:

- Querida, não faça isso!!!

- Cale a boca, seu safado! Você é o próximo!


 

Sempre que um homem entrava no bar, ele pedia duas cervejas, com a exigência de que elas fossem servidas ao mesmo tempo.

Certo dia, o garçom resolveu perguntar ao freguês por que ele sempre pedia duas cervejas. Afinal, não seria melhor pedir uma de cada vez?

- Uma é para mim. A outra é em homenagem a um grande amigo que mora muito longe daqui.

Um dia o homem entra no bar cabisbaixo e pede apenas uma cerveja. O garçom estranhou o pedido e perguntou se ele havia brigado com o amigo.

- Não é isso, não. É que eu parei de beber.


 

Dois Anões pegaram duas prostitutas e cada qual levou uma

para seu quarto. O primeiro anão, porém, não conseguiu ter uma ereção

e ele ficava cada vez mais ipotente cada vez que ele ouvia os gritos no quarto ao lado:

- UM, DOIS, TRÊS... JÁ!!

- UM, DOIS, TRÊS... JÁ!!

- UM, DOIS, TRÊS... JÁ!!

E foi assim a noite toda.

De manhã, o segundo anão pergunta ao primeiro:

- E ai? Como foi?

O primeiro respondeu baixinho:

- Foi tão embaraçoso, não consegui nenhuma ereção.

O segundo anão balançou a cabeça...

- Você chama isso de embaraçoso?... E eu que nem ao

menos consegui subir na cama...


 

O sujeito chama a filha para uma conversa séria:          

- Minha filha, lamento dizer, mas não gostei muito do seu namorado, não. Ele é um rapaz simpático e educado, mas me pareceu que ele não é muito inteligente, não...

- Impressão sua! - responde a menina. - O Carlos é muito mais inteligente do que você pensa: faz pouco tempo que estamos saindo e ele já me curou daquele problema de ter que usar absorvente todo mês...


 

A mãe vira-se para filha adolescente e comenta:

- Minha filha, as vizinhas andam dizendo que você está indo pra cama com o seu namorado, é verdade?

- Imagina, mãe! Essas mulheres são umas fofoqueiras, isto sim! Só por que a gente vai pra cama com um fulano qualquer, já começam a dizer que é namorado! 


 

A mãe americana encontra uma lata de cerveja na bolsa da filha e pergunta para si mesma:

- Será que minha filha está bebendo?

A mãe italiana encontra um maço de cigarros na bolsa da filha e se questiona:

- Será que minha filha começou a fumar?

E a Manuela encontra um preservativo na bolsa da filha, e se pergunta:

-Meu Deus! Será que minha filha tem pingolim?

 

Na corte do impiedoso rei Akbar, o Manoel era um alto funcionário da corte. Ele, havia muito tempo, nutria um desejo louco de beijar a boca da rainha até se fartar. Todas as vezes que tentou, porém, saiu-se mal. Um dia ele revelou seu desejo a Birbal, principal conselheiro do rei, e pediu que ele fizesse algo para ajudá-lo. Birbal, depois de muito pensar, concordou, sob a condição do Manoel lhe pagar mil moedas de ouro. O acordo foi fechado. No dia seguinte, Birbal preparou um líquido que causava comichões, simulou um tropeção e o derramou no rosto da rainha. Logo a coceira começou e aumentou de intensidade, deixando o severo rei preocupado. Estavam sendo feitas consultas a médicos, quando Birbal disse a Vossa Majestade que apenas uma saliva especial, se aplicada por quatro horas, curaria o mal. Birbal também disse que essa saliva só poderia ser encontrada na boca do Manoel. O Rei Akbar o chamou. Por quatro horas seguintes o Manoel beijou a boca da rainha. Satisfeito, ele se encontrou com Birbal. Como a missão deste já fora cumprida e sua vontade já havia sido realizada, ele se recusou a pagar o conselheiro e ainda o escorraçou. Manoel sabia que, naturalmente, Birbal nunca poderia contar o fato ao rei. Mas Manoel havia subestimado o notável conselheiro. No outro dia, por vingança, Birbal colocou o mesmo líquido na cueca do rei, que imediatamente mandou chamar o Manoel.


 

Dois padres foram tomar banho, mas esqueceram o sabonete. Um dos padres falou:

- Vou buscar dois no meu quarto, que fica no fim do corredor.

Como eles estavam com pressa para irem a missa, ele foi buscar os sabonetes pelado mesmo. Na volta, com os sabonetes um em cada mão, ele deu de cara com três freiras que estavam indo para missa. Sem ter o que fazer se fingiu de estátua. As freiras olharam comentaram entre si:

- Nossa que estátua linda, perfeita - foi quando uma delas, ao olhar o bimbo do padre, resolveu dar um puxão. Ao sentir a dor um sabonete escorregou da sua mão. As freiras espantadas falaram:

- Não é estátua, mas sim uma máquina de sabonete.

A outra deu um novo puxão e outro sabonete escorregou: - Nossa, que maravilha! - exclamaram com felicidade. A terceira freira, não querendo ficar para trás, puxou o bimbo do padre, e nada, puxou e nada e puxou e nada, e puxou, e puxou, e puxou, e puxou e puxou... e disse:

- Nossa, que maravilha, tem até sabonete líquido!!!!


 

Uma rede de TV quis fazer uma reportagem sobre a Galinhane Adristeu. Daí mandaram um repórter para fazer uma entrevista com a mãe dela.

- Dona Marinilda, como a senhora explica o sucesso de sua filha???

- Ah!!! isso não é para quem quer... é para quem pode!!!

- Mais como ela conseguiu do nada acumular um patrimônio tão grande???

- Ué, quem pode, pode, quem não pode se sacode!!!

- E a popularidade dela??? Como a senhora explica o fato de ela ser tão popular???

- Já disse, ela pode... ela pode muito!!!

- Eu não duvido da capacidade de sua filha... mas daria para a senhora ser mais objetiva?

- Eu já disse...ela é o que é hoje por que ela pode!!!

O repórter percebeu que não tinha mais jeito e deu a entrevista por encerrada e agradece:

- Muito obrigado por tudo dona, o café estava uma delícia e foi um prazer conhecê-la!!!

- De nada, meu pilho, volte sempre!!!


 

Uma mulher estava na cama com o Ricardão, quando de repente ouviu o marido entrando pela porta da frente. Mais que depressa, ela pegou um vidro de óleo, untou o corpo do cara, derramou uma lata de talco em cima dele e mandou ele fazer pose de estátua.

- Agora fica aí de pé, imóvel, e deixa o resto comigo.

Quando o marido entrou no quarto, se espantou:

- Querida, que estátua é esta?

- Ah, meu amor, quando eu estive na casa dos Silva, encontrei uma estátua igual a esta no quarto de dormir do casal e fiquei com vontade de comprar uma também.

O marido não disse nada e não se falou mais sobre o assunto. À noite, o casal se recolheu e, às duas da manhã, o marido saiu da cama, foi até a cozinha e voltou depois com um copo de leite e um sanduíche. Parou perto da "estátua" e falou:

- Tome aqui, estátua, coma alguma coisa... Eu já passei três dias bancando a estátua no quarto dos Silva e não recebi nem um copo d'água.


 

Batman e Robin foram a uma festa na Liga da Justiça e encheram a cara de batidinhas até de madrugada. O morcegão, que saiu completamente bêbado e trançando as pernas, disse:

- Robin (hic!), dirija o batmóvel porque eu estou imprestável...

Robin entrou todo emocionado no carro, pois ia dirigi-lo pela primeira vez. Segurou o câmbio com firmeza, engatou a primeira e saiu. Engatou a segunda, a terceira, acelerou, colocou quarta, quinta e se mandou. Na primeira curva, ele reduziu, passou para a quarta. Viu um caminhão, reduziu, ultrapassou, engatou novamente a quarta, quinta, e assim chegou a batcaverna. Robin estacionou, desligou o carro, virou-se para o Batman e perguntou:

- Dirigi bem?- Muito (hic!) bem. Agora me dá um beijinho...

- Que isso, Batman? A bebida subiu à cabeça?

E o Batman:

- Deixa de frescura, Robin, você sabe muito bem que o batmóvel tem câmbio automático...


 

Num seminário promovido pelo Movimento Feminista, uma americana faz o seu discurso:

 - Na semana passada eu cheguei em casa e fui logo falando ao John que a partir daquele momento ele cuidaria da casa, cortaria a grama e faria o jantar. No primeiro dia, não vi nada. No segundo, não vi nada. Mas, no terceiro, a grama estava cortadinha e, a casa, um brinco.

 Após longos aplausos, uma alemã também resolveu fazer o seu depoimento:

 - Na semana passada eu cheguei em casa e disse ao Hans que a partir daquele momento ele compraria a cerveja e cozinharia o seu próprio chucrute. No primeiro dia, não vi nada, no segundo, também não, mas, no terceiro, a cerveja estava geladinha sobre a mesa, ao lado do chucrute, que por sinal estava uma delícia!

 Mais aplausos pela vitória feminista. Então foi a vez da brasileira:

 - Na semana passada, eu cheguei para o Zé e disse que ele teria de lavar a roupa, limpar o banheiro e fazer as compras. No primeiro dia, não vi nada. No segundo, também não vi nada. Foi só no terceiro dia que meu olho começou a desinchar. 


 

Um casal decide passar férias numa praia do Caribe, no mesmo hotel onde passou a lua-de-mel há 20 anos. Por problemas de trabalho, a mulher não pôde viajar com seu marido, deixando para ir uns dias depois. Quando o homem chegou e foi para seu quarto do hotel, viu que havia um computador com acesso à internet. Então decidiu enviar um e-mail à sua mulher, mas errou uma letra sem se dar conta e o enviou a outro endereço. O e-mail foi recebido por uma viúva que acabara de chegar do enterro do marido e que, ao conferir seus e-mails, desmaiou instantaneamente. O filho, ao entrar em casa, encontrou sua mãe desmaiada, perto do computador, que na tela poderia se ler: Querida esposa, cheguei bem. Provavelmente se surpreenda em receber notícias minhas por e-mail, mas agora tem computador aqui no quarto e se pode  enviar mensagens às pessoas queridas. Acabo de chegar e me certifiquei que já está tudo preparado para você chegar na sexta que vem. Tenho muita vontade de te ver e espero que sua viagem seja tão tranquila como está sendo a minha. Obs.: Não traga muita roupa, porque aqui faz um calor infernal!!!


 

Um marido está em casa assistindo a um jogo de futebol , quando sua mulher interrompe:

- Querido, você pode trocar a lâmpada do corredor? Ela está piscando há semanas... Ele olhou para ela e respondeu com raiva: - Trocar a lâmpada agora? Você tá vendo a logomarca da Philips na minha testa? A esposa pergunta: - Então, você pode consertar a porta da geladeira? Ela não está fechando direito... E ele respondeu: - Consertar a porta da geladeira? Você tá vendo a logomarca da Brastemp na minha testa? - Tudo bem, ela disse. Então você pode pelo menos consertar os degraus da porta da frente? Eles estão quase se quebrando. E o marido: - Eu não sou uma droga de carpinteiro e eu não quero consertar degraus! Você tá vedo a marca Tramontina na minha testa? Eu não aguento mais você! Vou para o bar!!! Então ele foi para o bar e bebeu por algumas horas. Ele começou a se sentir culpado pela forma como tratou sua esposa e decidiu voltar para casa e ajudá-la. Quando ele chegou em casa, percebeu que os degraus já estavam consertados. Ao entrar na casa, ele viu que a luz do corredor estava funcionando. Foi pegar uma cerveja e percebeu que a porta da geladeira havia sido consertada. - Querida - ele perguntou - como todas essas coisas foram consertadas? Ela disse: - Bem, quando você saiu eu sentei lá fora e chorei. Então um jovem muito simpático me perguntou o que estava errado e eu lhe contei. Ele se ofereceu para consertar as coisas e tudo o que eu tinha que fazer era escolher entre ir para a cama com ele ou fazer um bolo. O marido disse: - Então, que tipo de bolo você fez para ele? Ela respondeu: - Aloooôôôôô!!! Você tá vendo a logomarca da "Dona Benta" na minha testa?


 

O político estava sendo entrevistado e veio aquela tradicional pergunta: - Senhor deputado, como começou a sua carreira na política? - Minha carreira na política começou bem cedo... Eu ainda estava no primário. - No primário? - perguntou a repórter, curiosa. - E como foi? - Eu não ia muito bem na escola, sempre tirava 4... 5... no máximo um 6. Até que um dia meu pai me disse: "Filho, a cada nota 10 que você tirar na escola eu vou lhe dar mil reais". Ah, minha cara. Isso mudou minha vida... No dia seguinte eu falei para a minha professora: "Dona Dulce, a senhora não quer ganhar quinhentos reais de vez em quando???"


 

Num bar, James Bond senta-se ao lado de uma morena fenomenal. Ele lança um olhar para ela e outro para o seu relógio. Ela pergunta:  - A mulher que você está esperando está atrasada?  - Não - responde Bond. - Ganhei este relógio high tech e o estou testando...  - Ah é? - pergunta a morena. - E o que este relógio tem de especial?  - Ele usa ondas alfa para se comunicar comigo - explica Bond.  - E o que ele está lhe dizendo agora? - pergunta a morena intrigada.  - Ele me disse que você está sem as roupas íntimas. A moça dá uma risada e responde:  - Pois seu relógio não funciona! Eu estou totalmente vestida.  James Bond mexe o relógio, dá uns tapinhas nele e diz:  - Saco! Está adiantado uma hora!


 

Após enfrentar uma longa fila no Hospital das Clínicas, a velhinha consegue chegar até a recepcionista.

- Sinto muito, senhora! Só temos vaga para consulta dentro de três meses!

- Puxa, mas até lá eu já morri!... - reclamou a velhinha.

- Nesse caso a senhora peça ao seu marido para telefonar desmarcando!


 

Depois de uma festa, o cara leva a namorada de volta pra casa. Ela morava em uma rua bem tranquila e ele teve uma ideia genial. Apoiou a mão no muro e pediu, com voz bem melosa: - Amorzinho... Só pra fechar a noite com chave de ouro, faz um boquete rapidinho! — O quê? Na frente da minha casa? Você tá louco? — Ah, lindinha... Tá todo mundo dormindo... — E se algum vizinho estiver acordado? — Ah, olha só, amor... Tá tudo escuro... Não tem ninguém na rua! Faz um boquete pra mim, faz... Não vamos perder essa oportunidade! Ela já estava quase concordando quando de repente sua irmã aparece no portão, de pijama. — Er, Carolzinha! — diz a namorada, assustada. — O que você tá fazendo acordada? — O papai falou pra eu pedir pra você fazer logo esse boquete ou, se você não quiser, para eu fazer, mas, por favor, pede pra esse idiota tirar a mão do interfone que a gente tá querendo dormir!


 

Eram três loiras fazendo teste para se tornarem investigadoras. O policial chamou a primeira, mostrou-lhe uma foto de um rapaz de perfil durante uns quinze segundos e depois perguntou:

 - Qual a característica mais marcante deste sujeito?

 - Ele só tem um olho - respondeu ela. Tentando esconder seu espanto pela burrice da moça, chamou a segunda, mostrou-lhe a mesma foto e fez a mesma pergunta.

 - Ele só tem uma orelha- respondeu ela. O policial balançou a cabeça, chamou a terceira moça, mostrou-lhe a foto e fez a mesma pergunta.

 - Ele usa lentes de contato!

 - Perfeito! Como foi que a senhora descobriu?

 - Foi fácil! Se o cara só tem um olho e uma orelha, como é que ele iria usar óculos?


 

Uma mulher mal encarada e muito feia, feia demais mesmo, entra numa daquelas lojas de departamento, da onde você só sai depois de deixar até as calças, no bom sentido. Ela entra com duas crianças e o gerente:

- São gêmeos?

A mãe, faz uma careta enorme e, por incrível que pareça, fica mais feia ainda.

- Não, idiota. O mais velho tem nove anos e a mais nova tem sete. Por quê? Você acha os dois parecidos, ô seu palhaço?

- Na verdade, não, só não entra na minha cabeça que você foi comida duas vezes!


 

O casal de idosos estava na cama e então a velha diz:

- Ai, véio... Vamos brincar?

- Ah, não minha véia... Eu já não sou mais o mesmo pra isso... Contrariada, a mulher diz:

- Não, meu véio! É assim: eu seguro o seu bilau e a gente adivinha pra que lado ele vai cair! 


 

Quando Jane viu Tarzan pela primeira vez sentiu-se imediatamente atraída. Quis saber de toda sua vida, até que chegou naquela famosa pergunta:

- Aqui na selva, solitário, como você faz pra se arranjar quando tem vontade de fazer sexo?

- Ah, eu uso um buraco no tronco de uma árvore!

Horrorizada, ela retrucou:

- Tarzan, você faz tudo errado. Vou lhe mostrar a forma correta.

Jane se despiu, deitou no chão u a tanga, aproximou-se dela e deu-lhe um tremendo chute na virilha. Ela se contorceu toda de tanta dor. Mesmo assim, balbuciou:

- Por que diabos você fez isso?

- Só conferindo se não há abelhas!


 

Joãozinho interrompe a explicação para fazer uma pergunta;

- Professora, como faz para colocar um elefante na geladeira?

- Não sei, Joãozinho.

- Ora, abre a porta da geladeira e põe ele lá.

A turma cai na gargalhada. Menos a professora, é claro.

- E como faz para colocar uma girafa dentro da geladeira?

- Abre a porta da geladeira e põe ela lá - respondeu a professora.

- Não, professora. Primeiro tem que tirar o elefante de lá de dentro.

A professora dá um longo suspiro e retoma a explicação.

- Professora!

- De novo, Joãozinho?

- O leão fez uma festa na savana. Sabe qual o único animal que não pôde ir?

- Qual, Joãozinho?

- A girafa. É que ela ainda estava na geladeira.

Assim que a professora retoma a explicação, Joãozinho a interrompe pela terceira vez:

- Professora!

- Ah, Joãozinho, mais uma vez?

- Prometo que é a última pergunta. Como a gente faz pra atravessar um rio cheio de jacaré?

- Entra num barco e atravessa o rio.

- Não precisa de tudo isso, professora. Dá para ir nadando.

- Mas e os jacarés?

- Estão na festa do leão.


 

 Maria estava em seu leito de morte, e temendo bater as botas e ir ao céu com um grande pecado, resolveu confidenciar ao marido Manoel:- Manoel, sabes o nosso filho mais velho, não és teu Manoel!!Manoel muito tranquilamente, responde:- Oh! Meria, não tem problema.Maria, muito intrigada com toda a posição de Manoel, indaga-lhe:- Mas, como Manoel?! Eu estoi a lhe dizer que nosso filho não és teu, ó homem!?!!E Manoel novamente responde:- E eu entendi, ó Meria.- Ai, Jisus! Por que raios tu não estás azoado e ficas assim, com esta cara?!?Manoel lhe responde: - Ora pois... sabes o nosso filho mais novo? Ele também não és teu!Maria rebate:- Como não és meu, ó homem de Deus? Se eu mesma carreguei o gajo na minha barriga por nove meses?- Meria, lembra-te quando tu estavas ainda na maternidade e me pediste para trocar o menino por que ele estava todo cagado? Pois eu troquei... por um limpinho que estavas ao lado.


 

    



8 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page